Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2010

...

O que importa afinal, viver ou saber que está vivendo?

Clarisse Lispector

Interessante

Meninas, acabei de ler o site: Psi Conversa e achei muito interessante o texto sobre Dependência Afetiva.

Segue o link: http://psiconversa.blogspot.com/2008/08/dependncia-afetiva.html

* Alavancando minha estima! Iniciei meus exercícios de alongamento e voltei a caminhar... (isso para parar de reclamar de dores e/ou doenças).

Parece brincadeira!!!

"Suas aspirações e objetivos tomarão forma e você sentirá imensa satisfação ao perceber que seus esforços não foram em vão.

Você se recordará de uma fase em que agiu de forma realmente insegura e rirá disso. Todas as pessoas, por mais fortes que sejam, passam por momentos de insegurança.

Isso não as faz menos fortes. A fraqueza surge apenas quando queremos fazer de conta que não passamos realmente por momentos de dificuldade e posamos de orgulhosos. Pedir ajuda a quem se confia não é má idéia, o grande lance é saber em quem confiar!"

Conselho:Confie em si e mande ver!

Aprendendo a relaxar e a confiar

Em 26 horas é a segunda vez que ouço, relaxa! Como adepta de que nada acontece por acaso, então: Relaxa! :D

"Recomendamos a você que simplesmente relaxe e tenha confiança, pois a tendência natural das coisas será fluir naturalmente, sobretudo se ao invés de forçar a barra você exercitar a inteligência e procurar fazer valer os seus bons relacionamentos.

O maior de todos os poderes está na arte de se relacionar bem com as pessoas. Cultive isso e você verá que nada lhe faltará. Há circunstâncias em que o esforço não apenas não é necessário, como também não é recomendado. É melhor usar o cérebro do que os punhos.

A força criativa fluirá e você terá idéias brilhantes que permitirão que você conquiste aquilo que deseja. Tenha confiança!"

Conselho:Aquele que relaxa, tudo obtém.

Reconhecendo nosso semelhante...

Ao assistir ao novela da 18 horas da TV Globo, percebi numa personagem, uma dependente afetiva nata e claro, como todo seu descontrole.

E quantos mais casos, fora os nossos, percebemos em nossa sociedade. Algo está errado????

Lost 2?

Me encontrar!!!

Lost?

Faz um tempo que falo sobre minha serenidade e creio que não é só eu que se sente muitas vezes perdida.

Sempre que me sinto assim, tento reorganizar as idéias e manter um foco e isto desde criança. Só que minha mente chegou num ponto de não aguentar tantos pensamentos, tantos focos e tanto desperdício de energia.

E comecei a questionar a razão de ser dependente e etc... Normalmente, eu questionava o pq isto acontecia, pq eu deixava ser usada, etc.. . Agora, o foco é como posso usar a dependência para ser uma pessoa melhor.

No que a doença me sabota?

Antes de responder esta pergunta, preciso dizer que cheguei a este ponto, depois deste final de semana. Foi um final de semana ótimo e acreditem, com Guilherme. Depois de muita luta, estou conseguindo me manter serena, sem controles sobre ele e aceitando o que não posso mudar.

Teve um momento que ele abriu o celular e eu jurei que vi uma foto dele com a ex. Na boa, acredito que era falta do que fazer da minha mente... tipo, se era isto mesmo, o…

Preciso dizer mais???

You Can Do MagicI never believed in things that I couldn't see I said if I can't feel it then how can it be No, no magic could happen to me And then I saw you
I couldn't believe it, you took my heart I couldn't retrieve it, said to myself What's it all about Now I know there can be no doubt
You can do magic You can have anything that you desire Magic, and you know You're the one who can put out the fire
You know darn well When you cast your spell you will get your way When you hypnotize with your eyes A heart of stone can turn to clay Doo, doo, doo ...
And when the rain is beatin' upon the window pane And when the night it gets so cold, when I can't sleep Again you come to me I hold you tight, the rain disappears Who would believe it With a word you dry my tears
You can do magic You can have anything that you desire Magic, and you know You're the one who can put out the fire
You know darn well When you cast your spell you will get your way When you hypnotize wi…

Um segredo de beleza que depende só de você

Para estar bonita, basta gostar de si mesma e ser feliz!
Quando se pensa em ficar bonita logo vem a ideia de que é preciso cuidar do corpo, com dietas, tratamentos estéticos, entre inúmeros outros recursos.

Certamente tudo isso tem o seu valor, porém, o mais importante e o que faz toda a diferença é como você se sente internamente com relação a si mesma.

É aí que está o grande segredo de beleza. De nada adianta os cuidados externos com a estética se você não está bem consigo mesma, se não se respeita, não se valoriza ou não gosta de você.

Normalmente costumamos se preocupar com o que os outros vão pensar a nosso respeito, porém, o mais importante mesmo é o que você está pensando.

Você já parou para observar isso? Pois é, isso é fundamental. Não há recursos estéticos que consigam disfarçar uma auto-estima baixa, uma pessoa de mal consigo mesma.

Por isso, se quiser ficar bonita de verdade é essencial gostar de si mesma, ser capaz de se admirar. Só que para isso é essencial que voc…

Cadê minha serenidade?

Ansiedade...

Quantas vezes preciso dizer para mim mesma?

- Precisas descansar! Respirar!

Que dificuldade tenho, ultimamente... Dormir é complicado, respiro por respirar!

Sinto que preciso parar... É tanta tensão! O que fazer, como fazer...??? Que, literalmente, acabo não saindo do lugar.

Calma, Duda!

O ambiente está me deixando torpe, logo eu, que sempre falei que o meio não me influencia...

Preciso ouvir o silêncio!

- Ei, silêncio! Preciso te ouvir. Será que estou maluca??? Sinceramente, creio que não. Só tenho a certeza de que, quando ouvir o silêncio, encontrarei a paz que preciso.

Nada de pessimismo e depressão!

ÓPERA DO MATOPor que cantas, campina, em pios tão doridos,
Como quem fala a Deus, em comovente prece,
Com tom de gratidão, misturado aos gemidos
Do dia, quando o sol se despede – e anoitece?O teu gorjeio terno alcança-me os ouvidos,
Qual canto de ninar que aos poucos adormece
No berço o pequenino; ou flauta que os sentidos
Acalma, adoça, encanta e poupa-nos do estresse!E escuto o teu concerto, embevecido e grato
A Deus por ter-me dado a chance de assistir
Num palco natural a esta ópera do mato.Não quero ter na Terra a glória de um vizir,
Nem quero ter poder, prestígio, nem mandato;
Se o que quero já tenho: a glória de te ouvir!Campos, Canindé, 25 de março de 2010.